17/02/2014

Sobre Palavrões

É feio, mas eu vou contar.

Uma vez, quando eu era pequena, devia ter uns 5 anos, mandei minha vizinha tomar no c* e minha vó me dedurou. Na hora do almoço, meus pais me colocaram na mesa e me deram uma lição de moral tão grande que eu nunca mais falei palavrão. Até uns 16 anos, mas falava só na escola.



Meu pai não falava quase nada de palavão, quando muito ele soltava um "put* que pariu" se um jogador do Corinthians errasse o gol. Já minha mãe até hoje é desbocada, em uma frase com 5 palavras, 6 são palavrões. Achar o equilíbrio é complicado. Quando comecei a faculdade percebi que eu estava exagerando e resolvi parar de falar palavrões, porque eu realmente acho muito feio. Nessa eu conheci o Lê (que também fala MUITOS palavrões), até que eu me segurava bem, mas depois que meu pai morreu, não teve jeito, os palavrões voltaram com tudo, na faculdade, em casa, na rua, no cinema, até na igreja se bobiasse soltava um filho da put* sem querer.

Acontece que esse ano já vai fazer 5 anos que meu pai foi embora, mas os palavões ainda estão aqui e tem me incomodado, morando com o Lê e trabalhando com a minha mãe, diminuir os palavrões fica difícil. Mas eu vou tentar!

Quem entra nessa causa comigo? Vocês são educadinhas ou soltam umas palavras feias por aí? Sei que tem pessoas que não se importam, mas eu acho um pouco feio sim, vocês não?

Meu compromisso é por menos "Caralh*s" e mais "Carambas"!
8 comentários:
  1. eu não sou muito de falar palavrão, mais acho legal as blogueiras que falam palavrão no blog, acho elas divertidas :3 hhahaahah o máximo que falo é PQP KKK eu falo mais "PUTS"kkkkk mais nem sempre é bom falr palavrão e minha irmã tinha adotar essa ideia hsuahsushu adorei o post, diferente... mais super legal, beijo Juju
    rumoapais1.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Falo muito palavrão quando estou brava ou irritada. É inevitável, porque já tenho muitas outras coisas para pensar antes de me policiar. hauahau... Mas, realmente, a convivência faz com que o hábito seja cada vez mais frequente ou não. Se vc convive com quem fala palavrão, vc tbm vai falar. Se não convive, falará menos. hauahau... Não que vá parar.
    Para mim, é complicado, porque tem palavras que tem quem considere palavrão, mas eu não. Como "Que saco!" ou "Que merda!"... São palavrões, mas os considero tão inofensivos. hauahau... Sei lá.
    Já tentei parar de falar palavrão. Depois eu desencanei completamente e hoje, falo com moderação. Acho desnecessário, mas tem coisas que só um palavrão pode definir.
    Ai, como sou um mau exemplo! hauahau... Mas acho que o principal é conseguir se controlar em alguns ambientes (como na igreja... hauhau) e na frente de determinadas pessoas, que não curtem.
    Boa sorte com o seu objetivo.
    Uma Questão de Estilo

    ResponderExcluir
  3. Nossa, eu raramente falo... Nem sei porque, mas acho que meus pais nunca incentivaram, e assim cresci essa boba hahaha
    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir
  4. eu falo palavrão, mas não muito. minhas amigas sim avacalham.
    evito falar palavrão na frente dos meus pais, e amigos também. se falo três por semana é muito.
    garotaadocicada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Raramente falo palavrão, mas quando fico irritada/com raiva é impossível controlar. De verdade? Não me importo. Uma vez, quando pequena, perguntei pra minha mãe: Mãe, quem inventou que é feio falar palavrão? (Imagina o custo pra ela responder?!)... Até hoje, não sei quem inventou e não vejo o sentido de uma palavra ser "feia" só porque alguém que nem conheço disse que ela é feia. Acho que, como toda palavra, tem sua hora certa de usar (Ninguém fala "parabéns" em um velório...) Mas sabendo essa hora certa, tá tudo bem!
    beijos,
    a-meninadajanela.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Eu falo palavrão, mas fico me policiando no trabalho e na faculdade. ehuehuehue
    Mas não é bonito mesmo não, nossa língua portuguesa é tão vasta de palavras lindas e expressivas que podemos usar e eu também recorro ao inglês que parece dar uma embaçada. Confira:
    Que mer*a virou Noo, que bad!
    Merda virou Shit!

    E também recorro a substituição:

    Puta que pariu virou Ahhh vá!
    Caral*o virou Pôooorra! (Foi apenas uma substituição de palavrões mais suaves rsrs)

    heuheuheu
    Beijinhos.
    Convido você a visitar meus dois blogs:
    Justo eu?
    Universo feminino, beleza – maquiagem- moda
    Livro com Cappuccino
    Universo literário, resenhas de livros-textos-autores

    ResponderExcluir
  7. Ah e quanto a mensagem no face, eu vi que vc me add, mas não vi sua mensagem rsrs. Está aceita viu? Seja mega bem vinda ao meu mundinho virtual.
    E quanto ao projeto você não precisa fazer nada não, se quiser participar fica a seu critério, se não quiser não tem problema. A idéia é realmente somente eu conhecer novos blog e indicar os que eu gostei.

    Caso queira participar, é só fazer o mesmo. Conhecer um blog a cada dia durante 365 dias e fazer uma postagem por semana divulgando-os.

    Hehe, beijocas.

    ResponderExcluir
  8. Eu confesso, ando desbocada, talvez pelo stress do dia a dia, sei lá... rs
    Mas já fui pior, lembro que na adolescência rolava aquela coisa de falar bastante palavrão escondido! rs

    Mas acho super digna a sua campanha, apoio e prometo tentar diminuir meus palavrões por aqui também ;)

    Beijos!

    Clá |blog uma garota carioca|

    ResponderExcluir

Me conte suas besteiras também!!

Ou conte coisas sérias... ou deixe sua receita de bolo de chocolate ou faça uma piada.. aqui o espaço é seu!! Use com amor!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...